-A A +A

COPES TEM NOVA DIRETORIA voltar

n/d n/d

 

O prefeito de Santa Vitória do Palmar, Eduardo Morrone (PT), foi eleito e empossado presidente do Consórcio Público do Extremo Sul (Copes). Ele substituirá o prefeito de Morro Redondo, Rui Brizolara (DEM), que presidiu a organização nos últimos dois anos. A assembléia foi realizada em Pelotas, na sede da Associação dos Municípios da  Zona Sul (Azonasul), reunindo os prefeitos da região.

Durante a atividade, os chefes do Executivo da região também escolheram os prefeitos de Pedras Altas, Fábio Tunes (PSDB) e de Turuçú, Ivan Scherdien (DEM) para ocuparem as duas vice-presidências no órgão. Contadores das prefeituras de Herval, Rio Grande e Arroio do Padre deverão colaborar na gestão financeira durante os próximos dois anos.

A principal missão de Morrone será articular os projetos, já em fase de planejamento final, que visam a captação de recursos às administrações municipais. A nova gestão também deverá ampliar as operações licitatórias para as compras coletivas de materiais e produtos que são comuns às prefeituras. “As licitações para a aquisição de medicamentos já estão consagradas e o Copes vem sendo uma ferramenta de gestão cada vez mais imprescindível a todos nós”, avaliou o novo presidente Morrone ao destacar o trabalho de seu antecessor. A gestão do consórcio tem duração de dois anos.

Convocação de Conferência voltar

O CONSÓRCIO PÚBLICO DO EXTREMO SUL convoca a 1ª Conferência Microrregional de Meio Ambiente da Região do Consórcio Público do Extremo Sul, Etapa Preparatória da 4ª Conferência Nacional de Meio Ambiente que ocorrerá no dia 25 de Julho, no Pelotas/ RS, no auditório Dom Antônio Zattera da Universidade Católica de Pelotas. Clique aqui para saber mais detalhes!

Apresentação COPES voltar

O Consórcio Público do Extremo Sul (Copes), órgão ligado à Associação dos Municípios da Zona Sul (Azonasul), teve início de atividades no ano de 2009 através da assinatura de protocolo de intenção entre 22 prefeituras da região. Mas, foi em 2011 que as operações começaram a ser realizadas. Criado com o intuito de contribuir para o desenvolvimento de projetos e parcerias visando beneficiar o contingente de um milhão de habitantes da Zona Sul gaúcha, o Copes é um instrumento que foi regulamentado por lei, no ano de 2005, pelo então presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que permite aos municípios brasileiros contratar serviços que atendam a coletividade. A intenção é abordar problemas que precisam ter uma resolução conjunta, como as questões do lixo, transporte público, segurança pública, saúde ou temas que são comuns às cidades da região e que cada município individualmente tem dificuldades em resolver. Convictos de que unidos têm mais força para encontrarem soluções eficientes, é que os prefeitos da Zona Sul assumiram o protagonismo das ações relacionadas aos problemas comuns às administrações onde o COPES é uma ferramenta de gestão.





AZonaSul

© 2012 Ministério da Educação. Todos os direitos reservados.

Consórcio Público Extremo Sul